Dedico este blog à minha filha Thais, meu eterno amor, que partiu muito cedo para um lindo lugar... no outro lado da vida ..!!!

Seguidores

sexta-feira, 24 de maio de 2013

Devemos continuar


À noite em meu quarto olho as estrelas e não encontro o brilho de outrora.
Tento dormir e não consigo.
Meus pensamentos voam tentando achar uma explicação e não consigo encontrar.
A angústia sufoca o meu coração.
Lágrimas rolam e não conseguem aliviar o peso da minha alma.
E eu continuo a te procurar em cada esquina da vida, mas em nenhuma delas você está...

Sim, em muitos momentos da vida, alguém especial tem que partir antes de nós.
E fica a pergunta: Como continuar?
A dor é forte demais e a vontade de desistir persiste.
Porém, podemos e devemos continuar.

Se o sorriso de outrora não pode mais ser visto, procuremos encontrá-lo na alegria expressada no rosto de uma criança carente que acabamos de auxiliar.
Se as mãos não podem mais ser tocadas, levemos o calor de um abraço sincero a quem passa por grandes sofrimentos.
Se a música não pode mais ser dançada, espalhemos a melodia entre os enfermos de um hospital.
Se a voz não pode mais ser ouvida, procuremos semear palavras de esperança por onde andarmos.

Se as estrelas não têm o mesmo brilho de outrora, nos esforcemos em iluminar o caminho daqueles que se encontram entre as trevas.
Se não podemos mais oferecer flores, trabalhemos para florir todos os jardins do mundo.
Se a luz parece ter ido embora, procuremos suavizar a escuridão que reina em tantos lares necessitados.
Se o sorriso se foi, procuremos trazer alegria para quem está desanimado diante de tantos obstáculos.

Se o sol deixou de brilhar, transformemo-nos em um farol para iluminar o caminho de quem se encontra perdido.
Se a ausência parece machucar o nosso coração, procuremos levar a esperança a quem deixou de acreditar.
Se os encontros em família perderam a sua graça, procuremos entender o milagre que podemos realizar quando estendemos a mão a quem está caído.

Se o físico se foi, o espírito ainda vive e sente.

Devemos acreditar que o reencontro está marcado.
Sim, devemos continuar.
Devemos sentir saudades sim, mas jamais tristeza.
Devemos preencher o vazio que sentimos com gestos de amor.

Porque só o amor é capaz de grandes transformações.
Só o amor rompe todas as barreiras.
Só o amor cura as nossas feridas.
E só o amor nos leva a crer que não importa as perdas que a vida nos impõe, devemos sempre continuar...

Sonia Carvalho

Sim meus amigos, devemos continuar, viver apesar de tudo... sempre com o coração cheio de esperança de um amanhã melhor.
Beijos de luz e muita paz!
                                      Ilca
                                               

                                         Imagem criada por mim, - Ilca,
                                               colaborando por uma blogosfera ética.

17 comentários:

  1. Olá Ilca!

    só Deus pra confortar o seu coração !!


    Saúde,paz e q seu fim de semana seja sereno


    Ro

    ResponderExcluir
  2. Oi Ilca, esse texto fala alto da perda e como fazer para amenizar a dor da alma, e acho que é realmente, procurando ser útil nessa vida levando o nosso carinho, a nossa alegria, a ajuda a quem precisa e está ao nosso alcance, te admiro por ser uma pessoa de muita fé, e saber aceitar mesmo sendo difícil, essa sua missão, te mando daqui muitas energias boas para sua vida.
    Beijinhos!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Olá Ilca!
    Siga em frente... por VOCÊ! A Thais ficará orgulhosa de você... e o Thiago também.
    Pode acreditar!

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  4. Oi amiga...
    Obrigada por essa mensagem tão linda e cheia de confiança sim devemos continuar pelos que ficaram e por nós mesmas pois se estivermos equilibradas podemos ajudar o nosso próximo.
    Vc através deste blog não tem nem noção quantas pessoas está ajudando com o seu exemplo... se ela pode.. eu também posso..
    continue amiga sei que não é nada fácil..
    "Tudo posso naquele que me fortalece"
    São Paulo

    ResponderExcluir
  5. Ilca, a vida sempre continua quer queira quer não...E o melhor para se fazer quando perdemos alguém próximo a nós é preenche-la com atitudes dignas e ajudando de qualquer maneira a muitos outros, pois é dividindo que somamos. Beijos amiga e continua assim, forte e cheia de fé. Bom final de semana.

    ResponderExcluir
  6. Oi querida ílca saudades de vc,sempre dou uma lida nas suas postagens e sempre penso na sorte que tem seus filhos em ter uma mãe como vc. Estou tentando seguir minha caminhada , cuidar do meu pequeno theo gustavo q esta com 6 meses.espero ser para o meu filho uma mãe como vc é para o seu filho.

    ResponderExcluir
  7. Bom dia minha querida !
    O mundo nos mostra o quanto temos para realizar dentro dos nossos dias .E vc como sempre nos mostra textos reflexivos para fazermos entender que a vida é rotativa,estamos girando sempre entre o material e o espiritual ...
    bjs de final de semana !!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  8. A tristeza se vai com o tempo , a sdsss de momentos felizes nos alegram o coração... e assim vamos vivendo e doando nosso amor a quem está presente em nossa vida, e com a certeza que todos nos encontraremos no final!
    bom fim de semana! bjsss querida.

    ResponderExcluir
  9. Oi amiga..
    Hoje tivemos a missa consagrada a Santa Rita em homenagem ao seu aniversario com uma benção especial das rosas vermelhas lembrei de todas vcs mãezinhas especiais e consagrei e mentalmente enviei uma rosa para vc com toda a minha energia e oração ...
    Te amo bjss..
    Zelinda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga querida, obrigada pelo seu carinho e pelas boas energias.
      Obrigada pela força!
      Também te amo. Deus a abençoe!
      Beijo

      Excluir
  10. Olá Ilca, como essa saudade deve doer e como essa saudade eterna continua aí no seu coração. Como diz este texto lindo o espírito ainda vive e a sua maravilhosa filha está sempre a brilhar com um sorriso para si lá em cima junto de Deus. Um grande abraço e muita paz no seu lindo coração. Com todo o meu carinho Ailime

    ResponderExcluir
  11. Será Ilca, que só o amor é o que nos dá forças para continuarmos aqui? Ou é a nossa covardia em tirarmos a nossa própria vida sem saber exatamente o que vem depois disso? Tantas coisas já se passaram e ainda continuam passando pela minha cabeça amiga. Continuo vivendo sem objetivos, empurrada e como dizem sobrevivendo. Gostaria de ter essa força e esperança sempre no meu coração mas é tão difícil, tão difícil...
    P.S. eu já havia visualizado o blog do Matheus (filho do Ataíde Lemos). São poucos os homens que conseguem expressar os seus sentimentos como ele. Beijos querida amiga e bom domingo.

    ResponderExcluir
  12. Ola Dona Ilca, a cada dia que passa aprendo mais um pouco contigo o respeito e a minha admiração pela senhora aumenta todos os dia mais sua força e coragem é tudo de bom continua assim pois sua determinação nos ensina muito um grande beijo e estou sempre aqui para lhe auxiliar.
    Leide Cruz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá querida Leide,
      Que alegria te ver por aqui, já estava mesmo sentindo tua falta... Obrigada pelo imenso carinho, incentivo e apoio, tuas generosas palavras me trazem grande alento. Obrigada pela companhia, por estar ao meu lado nesta árdua e difícil caminhada.
      Que Deus a abençoe sempre!
      Beijos. Te amo.

      Excluir
  13. Bela mensagem...Espectacular....
    Cumprimentos

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...